A infância é um período de descobrir o mundo e tudo que gira ao redor da criança. Nessa fase, o cuidado com a saúde mental da criança é essencial, pois ele vai absorver tipos de afetos e atos que podem encorajar medos, distúrbios e mudanças comportamentais na infância e na vida futura.  Pensando nisso, resolvemos fazer esse artigo sobre Psicologia infantil e como ela pode auxiliar a combater esses distúrbios. 

Por que é importante?

Por isso, é importante que nós tenhamos cuidado com a saúde mental das crianças e para isso existe a psicoterapia infantil, que usa de artifícios lúdicos para prevenir e tratar potenciais distúrbios, caminhando para o bem estar da criança. Hoje em dia, os casos de bullying estão cada vez mais frequentes e é preciso estar atento aos efeitos que isso pode causar na criança. O terapeuta serve para auxiliar na busca das melhores formas de lidar e solucionar os conflitos.

Como funciona as sessões?

As sessões são inicialmente feitas com a companhia dos pais ou responsáveis, para fazer um apanhado de informações sobre a criança e a dinâmica da família. Depois, as sessões são apenas com as crianças e como elas não expressam suas emoções como os adultos e tendem a ser mais fechadas, a abordagem é feita de forma lúdica.

Será que meu filho precisa de terapia?

São muitos motivos que uma criança pode precisa de terapia, pode ser por meio de um encaminhamento médico ou ao perceber que a criança tem dificuldade de lidar com determinadas situações. É comum procurar um psicólogo infantil com os seguintes comportamentos:

    • Choro excessivo
    • Timidez excessiva
    • Birras e malcriações
    • Isolamento
    • Agressividade
    • Ciúmes após a chegada do (a) irmão (a)
    • Necessidade extrema de proximidade com os pais
    • Dificuldades escolares
    • Recusar ir à escola de forma repentina
    • Demora a falar ou andar
    • Separação dos Pais
    • Perda de algum familiar
    • Mudanças no comportamento em geral
    • Bullying

Através da terapia é possível chegar a uma solução e à prevenção de conflitos que a criança pode estar passando. O acompanhamento por um profissional da psicologia/psiquiatria é muito importante para que a criança tenha equilíbrio emocional, melhora no senso crítico, facilidade de aprendizagem, melhor adaptabilidade e melhora da auto estima. Cuidar da saúde mental infantil é prevenir problemas com a saúde mental do futuro.

(38)

Compartilhe com os seus amigos!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *